Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Vila Maria meu amor Autor(a): Gercilio Brandão - Conheça esse autor
História publicada em 06/09/2013

Cheguei à Vila Maria em 1964, vindo do Paraná. Estudei na escola Parque Shiba e no Julio Maia. O ginásio fiz no Costa Guedes. Lembro-me dos campos de várzea, do bar da Gastão Madeira onde ia comprar 1/2 bengala e, de vez em quando, um tablete de margarina Claybom (vida difícil).

Televisão só no bar assistindo Rin-Tin-Tin, Bonanza etc. Lembro-me dos bondes na Pça. Cosmorama, do Perilo restaurante. Mais tarde, com 15 anos, fui trabalhar no Nadir Figueiredo e depois na Massari Ind. Viaturas. Conheci a mãe dos meus filhos em 1975, Sandra Raimundo, e nos casamos em 1977.

Nos finais de semana, o destino era o Caneca Azul, em frente ao Paulo Egídio, o Almeida ou o Dizzy na Sto. Eduardo. Hoje, moro em Guarulhos e já não vivo mais com a Sandra. Tenho muitas saudades daquele tempo. Eu era feliz e sabia.

 

E-mail: [email protected]
Localização da história
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 09/09/2013

Saudades de tempo, lugar e de pessoas, isso é bom se as recordações forem meritórias. Parabéns, Gercílio.

Modesto

Enviado por Modesto Laruccia - [email protected]
Publicado em 09/09/2013

Parabéns pela narrativa Gercilio.

Enviado por Arthur Miranda (Tutu) - [email protected]
Publicado em 06/09/2013

Gercilio, sempre e bom a gente relembrar os bons momentos que vivemos, parabens pelo seu texto.

Enviado por Leonello Tesser (Nelinho) - [email protected]
« Anterior 1 Próxima »