Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Eu também morei em Moema Autor(a): Guiomar Machado - Conheça esse autor
História publicada em 29/09/2011
Eu também estudei na Escola Primaria Fiação Indiana e tenho muito saudades. Foi uma época muito importante.

Morava na Av. Ibirapuera, 2.563. Hoje ainda existe parte da casa que eu morei... A noite, eu, minha irmã e mais duas amigas, Elaine e Lenir, ficávamos sentadas no muro vendo os bondes que passavam e que traziam sempre os trabalhadores. Era muito interessante, passavam sempre na mesma hora!

E também tinha ali o SESI, perto do Brindes Pombo, onde eu ia sempre comprar lentilhas e grão de bico para minha mãe.

Nossa, como é bom recordar! Agradeço a todos pelas recordações. São Paulo é maravilhosa!

E-mail: [email protected]
E-mail: [email protected]
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 18/12/2012 estudei na escola primária fiação indiana, fui aluna da dona dulcina minnha professora do primeiro ano e dona idaraci do quinto ano, dona celia foi a diretora, eramos tres irmãs, marlene, marisa e eu lourdes, lembro do robero fiore e da nidinha, seu pai tinha um bar, fiz primeira comunhão na igreja nossa senhora aparecida, tenho foto da turma da cruzada, que saudades, entrem em contato comigo. Enviado por maria de lourdes campos ventura - [email protected]
Publicado em 07/03/2012 Estudei na Escola Primária Fiação Indiana de 1962 a 1966, do 1º ao 5º ano. Lembro bem da Dona Dulcina, minha primeira professora e da Dona Idaracy, no 5º ano primário. Dona Célia era a nossa diretora. Todos os dias, antes de entrarmos na sala de aula os alunos eram reunidos no páteo onde cada professora acompanhava a sua turma, em fila indiana, até a sala de aula depois de cantarmos o Hino Nacional. Iamos em marcha, em fila indiana, de uniforme, sendo camisa branca e saia azul marinho de tergal. Enviado por Marta Dias Portero - [email protected]
Publicado em 30/09/2011 Minha tia Tuca (Sebastiana e Sebastião Leite) moravam neste bairro, e quando ia visitá-los, enquanto eles conversavam com o meu pai, as primas Terezinha-Conceição-Lurdes-Josefa, preparavam o almoço, daí eu pegava a bicicleta do Braizinho, andava por todo bairro, na épocas muitas ruas sem asfalto, e sempre me pediam para comprar "Fermento ", só fui descobrir de que era feito quanto estive na Usina Itaiquara, enfim é um derivado de cana. Rua Macuco... 1954 Enviado por JCOliveira - [email protected]
Publicado em 29/09/2011 Vi em algum relato aqui do site que a tal "Fiação Indiana" ficava onde hoje é o Shopping Ibirapuera, é isso mesmo ? O nome da escola seria uma homenagem à essa empresa? . Enviado por Luiz Carlos Pereira - [email protected]
Publicado em 29/09/2011 Lembrar o tempo em que passava bondes na av. Ibirapuera é o mesmo que lembrar os tempos em que ficávamos na Conde Frontin (Tatuapé)vendo os trens passarem. Lindo relato, Guiomar, parabéns.
Modesto
Enviado por Modesto Laruccia - [email protected]
Publicado em 29/09/2011 Guiomar, também morei em Moema, na Rouxinol.Lembranças do Pão de Acucar (Republica do LibanoxIbirapuera),da Bienal, do Argenzio, dos cinemas na Av.Santo Amaro.Epoca boa.
Abraços
Enviado por Marco Antonio (Marcolino) - [email protected]
« Anterior 1 Próxima »