Leia as Histórias

Categoria - Paisagens e lugares Saudade de verdade Autor(a): Alencar Valdir dos Santos - Conheça esse autor
História publicada em 24/07/2009
Não sou filho de São Paulo, por isso não amo essa cidade com amor filial, mas com amor de namorado, como diria o saudoso cronista Lourenço Diaféria.

E por sentir saudade dos idos das décadas de 70 e 80, um dia desses saí por aí, a passear sem destino, apenas para recordar. E como não estava comprometido com o horário e nem com qualquer outro impedimento castrador, após descer na estação Sé do Metrô, resolvi sonhar. E sonhei assim: Primeiramente vou comprar uma camiseta do grupo "Golden Boys" no Mappin; depois tomarei uma crush gelada, acompanhado de um hambúrguer, na "Leiteria Americana"; em seguida seguirei pela Rua São Bento e tomarei um cafezinho no Largo do Café; talvez passe, na sequência do meu passeio imaginário, pela Praça Clóvis Bevilacqua. E volto para casa? Não. Antes disso assistirei um filme brasileiro - de preferência com a Claudete Joubert, no Cine Texas...

E aí, acordei. E para não me sentir totalmente frustrado, dirigi-me ao Largo do Café para tomar um cafezinho. Meu Deus, como São Paulo mudou! Como ainda sinto vontade de tocar trombone no "Clube Piratininga" da Mooca.

e-mail do autor: [email protected] E-mail: [email protected]
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 26/08/2009 Prof. Alencar,
Recordar é viver!
E ter saudade é um privilégio!
Parabéns por sua iniciativa.
Enviado por telma - [email protected]
Publicado em 04/08/2009 Que saudosista!
Pela riqueza de detalhes, fico a imaginar a cena de São Paulo dos anos de 1960 e 1970, décadas, aliás, que eu gostaria muito de ter vivido! Bela descrição! Que pena que Nossa Sampa já não é tão bela assim... Abraços!
Enviado por Claudinei Moreira da Costa - [email protected]
Publicado em 29/07/2009 ATÉ DO "CHURRASCO GREGO" DAS RUAS BRAULIO GOMES/MARCONI DA SAUDADE, E QUE SAUDADE -ABRAÇOS Enviado por RUBENS ROSA - [email protected]
Publicado em 29/07/2009 Alencar, gostei muito do seu texto. Gostei porque amo nossa cidade e também porque sentir saudades até que é bom.
Um abraço
Enviado por Edi - [email protected]
Publicado em 27/07/2009 E mudou, mesmo ! Não sei do cafezinho do Largo do Café, mas a famosa e minúscula salsicharia dali não é, nem de longe, a mesma. Abraços. Enviado por Luiz Simões - [email protected]
Publicado em 27/07/2009 Alencar,São Paulo se deixa amar por todos que como você que a ama como um namorado apaixonado.Ela é envolvente.Os lugares que voce cita eu os conheço muito bem.Eram humanos.Tudo dava satisfação de bem estar.Hoje? sai para lá.Que saudade aqueles lugares nos trás.
abraços
Enviado por Fábio Belviso - [email protected]
Publicado em 26/07/2009 E o meu sonho acho que seria assim:primeiro vou á padaria AIA e compro um pãozinho doce, depois sigo para a Sears, passando pela papelaria Caratin e olhando as lojas de calçados ali da antiga rua Vergueiro. Finalmente, ali na Sears, vou até a seção de brinquedos,mas eles já não me encantam... Enviado por Lygia - [email protected]
Publicado em 25/07/2009 Alencar, ainda dá para sonhar um pouco. Tome café no Páteo do Colégio, coma um pastel na Pastelaria Modelo na Pça da Sé, compre uma camiseta nas galerias que existem ainda no Centro, como a do Rock e tente um desses cinemas que foram reinaugurados recentemente. Quem não tem cão...Um abraço solidário no que se refere às saudades de nossa antiga cidade. Enviado por Márcia Sargueiro Calixto - [email protected]
Publicado em 25/07/2009 Prof.Santos, sonhar é bom e ainda é grátis. Vamos aproveitar para turistear por Sampa. Abraço. Bernardi. Enviado por Ernesto Bernardi - [email protected]
Publicado em 25/07/2009 Se existisse um tunel do tempo pra podermos fazer esta viagem ao passado a qualquer hora seria maravilhoso. Contudo, podemos fechar os olhos relembrar como vc tao bem o fez. Enviado por Etel - [email protected]
« Anterior 1 Próxima »