Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Vila Maria baixa - Igreja da Candelária Autor(a): Luiz Ramos - Conheça esse autor
História publicada em 17/05/2006
Nos anos 70, a Vila Maria baixa era meu lugar preferido em São Paulo. Aquela velha Guilherme Cotching, arborizada, bonita; a praça Santo Eduardo e lá no fim da rua a Igreja da Candelária me transmitiam uma sensação de segurança. Aparentemente, nada mudou tanto assim, porém, quando observamos atentamente velhas fotografias, percebemos que mudou sim e mudou muito.
Tudo muda e isso é o natural da vida, claro; O importante é que não caia no esquecimento.
Uma coisa que gostava no bairro eram os nomes das ruas, ou da maioria delas, como Araritaguaba, Amambai e outras com nomes assim, exóticos (claro que a garotada em fase de alfabetização devia sofrer muito com isso). Não gosto de ruas com nome de pessoas, prefiro nomes mais criativos.
Esta Vila Maria de que falo, com a Praça Santo Eduardo ao centro, era a artéria principal, o cartão de visita pós-Tietê, para quem se dirigia à Vila Conceição, Jaçanã, Parque Novo Mundo etc. É claro que havia muitos outros caminhos, mas era o mais gostoso,embora, talvez, não fosse o mais prático, como não é hoje.
Se eu fosse fazer um mapa dos pontos que me trazem saudade em São Paulo, traçaria esse mapa a partir de rua Catumbi, cruzaria a ponte da Vila Maria (rebatizada com outro nome, mas o nome original é que está no coração do povo), seguiria a Guilherme Cotching até a candelária. À esquerda, a Sociedade Paulista de Trote; à direita, aquelas ruas todas que desembocam na Dutra. O campo da FRUM.
Avenida Conceição; das Cerejeiras; Cosmorama; Praça da Alegria; Roland Garros; Luiz Stamat.
Aí, alguém me diria, mas este mapa existe; estas ruas estão lá. Porque não as visita?
E eu responderia: Estão mas não estão; são mas não são, ou eu que já não sou?
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 12/04/2011 Nasci neste bairro em 1961,passei a vida ai até Novembro de 1975,morei na rua Alcantara,100 metros da Industruia de Papeis "São Roberto",havia ou ainda há o Bar e Restaurante do Sr Garcia,equina com a rua Nossa senhora do Socorro,estudei noJoão Vieira de Ameida,portanto eu sei que este Bairro continua "maravilhoso"porque passei lindaos momentos ai!!!!
Abraços à todos
Enviado por Edson Dias Valladao - [email protected]
Publicado em 10/04/2011 FICO SURPRESA EM VER MUITA GENTE COMENTANDO SOBRE A VILA MARIA TANBEM E UM BAIRRO ENESQUESIVIL MOREI LA NOS ANOS 60 RUA CAETE CURTI MUITO AS MINHAS IRMAS COLEGA MARLENE MEU NOME E NEUSA DANCAMOS MUITO NOS BAILINHOS NOVA NEUSA IMPERIAL BEM FICA TINHA 14 ANOS IA MUITO A MISSA DA CANDELARIA TENHO MUITA SAUDADE O MEU SONHO E VOUTAR A MORAR NA VILA MARIA MAS VAI FICAR SO NA LENBRANCA QUEM LEMBRAR DE MIM MANDA COMENTARIO Enviado por neusa maria micheline de andrade - [email protected]
Publicado em 24/03/2011 entendo bem oque é , mas as ruas não estão lá?? não estão!pelo menos não como guardamos no coração. morei na v. maria desde que nasci em 1963, mas minhas melhores lembranças são de 1970 a 1977, quando morava na rua kobe e estudava na escola prof lael de moura prado.fiz minha primeira comunhão na igreja do j. japão, frequentava tambem o tomaz mazzoni, adorava ficar na piscina do club. Meu pai tinha um foto no jardim japão, mais precisamente na praça toquio,chamava se foto cezar.Muitas saudades.. Enviado por sueli lima de araujo - [email protected]
Publicado em 18/03/2011 Pessoal. Uma vida sem história não tem nenhum sentido. Sou nascido em Vila Maria onde resido até hoje. Sou de 1952 e vou tentar acrescentar a estes relatos maravilhosos, pontos não comentados, por exemplo: Magos Hamburguer, Rua Amabaí - Eu fui o proprietário e fundador desta Lanchonete. Eramos sócios eu o Oduvaldo, Silvinho já falecido (irmão do Canhoto do Snac). Quem dezenhou o símblo do Magos foi o Marcola que até hoje esta na Vila. Zoológico e a incansável música Diana/Luis Gonzaga. Saudades. Enviado por Alexandre (shony) - [email protected]
Publicado em 18/03/2011 Voltei por falta de espaço. Pudim, continua circulando pela Vila Rua Magarino Torres. Alceste/Manoel da Nóbrega. SÓ SAIO DA VILA MORTO OU DEPORTADO. Abraços meu povo. Enviado por Alexandre (shony) - [email protected]
Publicado em 17/03/2011 Olá amigos, hoje tenho 40 anos de idade, fui morar na Vila Maria Alta no ano de 73, na Rua Alves Cardoso, depois na Rua Padre Sabóia de Medeiros e por último na Rua Olegário Piedade, totalizando mais de 25 anos de minha vida neste maravilhoso bairro, estudei nos colégios José Maria Reys e Almirante Tamandaré. Tenho muitas saudades da turma do colégio,principalmente do José Maria Reys por onde cursei mais tempo, lembro-me de colegas como o Estive, Bygega, Gregória entre outros, se alguém conhe... Enviado por Willian Vicente dos Anjos - [email protected]
Publicado em 17/03/2011 Olá amigos, hoje tenho 40 anos de idade, fui morar na Vila Maria Alta no ano de 73, na Rua Alves Cardoso, depois na Rua Padre Sabóia de Medeiros e por último na Rua Olegário Piedade, totalizando mais de 25 anos de minha vida neste maravilhoso bairro, estudei nos colégios José Maria Reys e Almirante Tamandaré. Tenho muitas saudades da turma do colégio,principalmente do José Maria Reys por onde cursei mais tempo, lembro-me de colegas como o Estive, Bygega, Gregória entre outros, se alguém conhe.. Enviado por Willian Vicente dos Anjos - [email protected]
Publicado em 16/03/2011 Oi Luiz, parabéns, fiquei realmente emocionado em encontrar a matéria. Sou neto da Dona Mocinha e com os comentários que li, consegui reviver os bons tempos de CESPEOC, Escuderia Taturana, Salão Paroquial etc. Vou indicar ao meu irmão Olavo (Olavinho) que visite o site. Enviado por Moacir Monteiro Fernandes - [email protected]
Publicado em 22/02/2011 morei na vila maria baixa nos anos 60rua caete curti muitos os bailinhos nova neusa bem fica eu e minhas irmas sonia e sueli hoje falecida amo a vila maria ate hoje moro em guarulhos se pudese moraria la de novo ia a missa na candelaria namorei muito tambem la bom so sei dizer que nao esqueco da vila mariaquem se lembrar de mim manda comentarios Enviado por neusa maria micheline de andrade - [email protected]
Publicado em 21/02/2011 ola para todos sou naiscido e criado na VILA MARIA na moreira de vasconcelos lembro dos amigos de escola joão domingues sampaio dos carinhos de rolemã,salva,mãe da rua,dos pipas,futebol,bolinha de gude,taco,um toque só etc fui muito feliz na vila maria não consigo ficar longe não hoje moro na vila guilherme.abrço atodos.a vila maria fez 94 anos parabéns minha vila maria te amo de coração Enviado por Adilson - [email protected]