Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Memórias da Vila Itororó Autor(a): Delbio di Donato - Conheça esse autor
História publicada em 29/08/2007
Na verdade minha família morou e ainda mora na Vila Itororó, fomos morar na vila nos idos de 1940 exatamente no numero 255 da Rua Martiniano de Carvalho (que é o início da Vila Itororó). Foi muito bom, quanta saudade daquela minha infância, quanta brincadeira com meus amigos de infância e moradores do mesmo local, era romântico e ao mesmo tempo muito lírico, quantas serenatas fizemos na calada das noites de verão, eu, o Wiliam, o Getulio, o Reinaldo e o John.

Apenas para lembrar: quantas árvores havia no local, especialmente na Rua Martiniano de Carvalho, a rua toda arborizada, quando era época da poda das árvores pela Prefeitura, nós, as crianças, fazíamos cabanas com os galhos das árvores e brincávamos à solta. Dava até para jogar futebol em plena rua, quanta saudade. E o Éden, era nosso clube muito querido, pois nadávamos a valer na piscina e jogávamos basquete e futebol de salão constantemente. Quantos amigos da época: o Getulio, o Tarcio e o Tercio, o Reinaldo, O Orlandinho, o Wiliam e o John, tinha até o Rubião, sem contar ainda com todos os amigos do Eden, mais as senhoras distintas que lá moravam: Dona Tercina (quanta bondade) Dona Angelina (mãe do Orlandinho), Dona Antonia ( mãe do Arnaldo) e todo o romantismo de quem morou e sabe da historia da Vila Itororó, com seus casarões artísticos e tantas e tantas histórias desse local que áa conheceu o esplendor da riqueza e nobreza antiga de São Paulo pós moderno. Na verdade é um marco excepcional da cidade de São Paulo, faz parte integrante de sua memória (não pode ser descartada nunca mais).

e-mail do autor: [email protected] E-mail: [email protected]
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 22/02/2009 Delbio
A vila Itororo tem um parte engraçada da minha infancia,tinhamos um parentesco com a Dona Antonia,ela tinha uma tartaruga que me assusta-
va,tinha um medo dela.
O falecido Arnaldo seu filho foi meu padrinho--
crisma tenho certeza que um dia vou encontra-lo
no ceu com a Dona Antonia e seu Casemiro.
Abraços
Carlos Perfeito
Enviado por Carlos alberto Cardoso Perfeito - [email protected]
Publicado em 14/01/2009 Itororó foi o nome cogitado para a Av. 23 de Maio. Na decada de 60 entre a Rua Vergueiro e a Rua Maestro Cardim havia várias chacaras e uma fábrica de papelão. Enviado por sergio montenegro ottoni - [email protected]
Publicado em 04/12/2008 Tenho um tio que se chama Pasquale di Donato e mora ou morava na rua 11 de junho, acho que é perto da Vila Mariana, aí em São Paulo.Sua esposa Ivani é irmã da minha mãe.Meus primos,que só vi quando eram crianças, se chamam: Vito,Vitória e Luciana.Saudades... Um grande abraço a todos. Wilson , Palmas , Tocantins... Enviado por wilson roberto pereira barletta - [email protected]
Publicado em 28/06/2008 Delbio
Tudo bem com vc???
Eu nasci na vila Itororo em 1951
Meus pais moraram + de 40 anos
Não sei se vc se lembra do Silvio Vianna
Conhecemos e convivemos com as pessoas as quais vc menciona
Ficaria feliz em poder conversar com vc.
Para lembrarmos dessa turminha boa.
Um grande abraço
Enviado por Sandra - [email protected]
Publicado em 02/09/2007 Delbio, as correntes que nos mantem atados a infância são correntes de ouro,pois canalizam todas as boas coisas que este período nos proporcionou. Principalmente numa época de contato com a natureza e os brinquedos com uso da imaginação. Um grande abraço. Enviado por zelio andrezzo - [email protected]
Publicado em 30/08/2007 Eita coisa boa é lembrar dos velhos tempos. Enviado por Miguel S. G. Chammas - [email protected]
Publicado em 29/08/2007 No tempo em que meu amigo Sylvio Lima morava na Martiniano de Carvalho, numa simpática vila que ainda lá existe, a Vila Itororó era chamada
" A Arca", e era séde do Clube Éden Liberdade.
Enviado por Luiz S.Saidenberg - [email protected]
« Anterior 1 Próxima »