Leia as Histórias

Categoria - Nossos bairros, nossas vidas Minha Pré-adolescência em Santana (Zona Norte) Autor(a): Maria Antonieta Melchior - Conheça esse autor
História publicada em 19/02/2006
Assim como meu primo Flávio Rocha, também tenho as mais lindas e saudosas recordações desse pedaço de São Paulo, onde vivi o término de minha infância e pré adolescência. Meus estudos iniciaram no Grupo Escolar Buenos Aires, eu achava a escola mais linda do mundo. Já o ginásio, foi no Colégio Salete onde o Diretor ainda era o Professor Élvio Bugano, pessoa maravilhosa, amiga de seus alunos e muito educado. Mas, o lugar que não consigo tirar de minhas lembranças é a Rua Aviador Gil Guilherme, nº 169, onde vivicom minha tia e avó. Que dias felizes; hoje essa rua, assim como a casa não existem mais. Tudo foi demolido em nome do progresso viário e lá está uma linda avenida que desafogou o tráfego da Rua Voluntários da Pátria. Como era gostoso ir toda tarde na Padaria Comércio ou Polar comprar pão, isso era para mim um grande passeio. Outra alegria era pegar o bonde do motorneiro "Bailarino", o dia já começava com ele trazendo carinho e alegria para todos os passageiros. A coisa mais interessante, eu achava o trenzinho da cantareira passando pelo meio da Rua Alfredo Pujol, bem no coração do Bairoo de Santana. Os anos passaram e fui morar no Alto de Santana, lugar muito bonito próximo da Rua Pedro Dol, lembro que mamãe dava aula na Escola Frontino Guimarães e também no Externato Pedro Dol. Hoje estou morando em Santarém no Pará, adoro aqui. É um lugar muito lindo visitado por turistas do mundo todo, na frente da cidade tem o Encontro das Águas dos rios Amazonas e Tapajós,o interessante é que elas não se misturam. O Rio tapajós tem água azul e fria e o Rio Amazonas, marrom (barrenta)e quente. Quem quiser entrar em contato comigo, meu e-mail é mmelchior@uol.com.br e o telefone 0xx93 - 35235758. Outro dia escreverei mais lembranças dessa querida São Paulo. Obrigada por ter lido minha história.
Abraçõs à todos.
E-mail: mmelchior@uol.com.br
Login

Você precisa estar logado para comentar esta história.

Antes de Escrever seu comentário, lembre-se:
A São Paulo Turismo não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Publicado em 28/04/2013 Como todos sabem o Colegio Salete não existe mais. Ocorreu a incorporação por parte das Faculdades Anganguera. Porem alguns imoveis não fizeram parte da negociação ficando nas mãos de seu antigo proprietário o Dr Heitor. Um desses imóveis é justamente o Colégio Salete , que agora está dando espaço para o Salete Residence Club, um maravilhoso empreendimento residencial, onde o maior diferencial é junção de melhor preço, planta e localização que já existiu na Zona Norte e principalmente em Santana. Conheça e faça parte da historia, adquirindo uma unidade nesta localização consagrada. Todos os detalhes comigo Corretor Delasanta fone 960640448. Corra que a procura esta grande, pois todos querem seu espaço aqui, no que há de melhor desde de origem do bairro de Santana. Enviado por Corretor Delasanta f 960640448 - Delasanta@bol.com.br
Publicado em 25/03/2013 Me formei no Salete em 1980. Tempo do prof. Cavalheiro, prof. Pedro, Marisa e muitos outros. Compartilho da saudades da Santana antiga. Enviado por Laura Lobato - laura@netjen.com.br
Publicado em 21/01/2013 Em uma travessa da Voluntarios, proxima ao bar Aviação morav um tal de Otavinho, tão bonito igual ninguem nunca viu! Pena que inveredou por outro lado e desperdiçou tudo isso. Enviado por juvenal cardoso - jucabala@hotmail.com
Publicado em 15/09/2012 Me arrepiei! Morei na Aviador Gil Guilherme de 68 a 72, com meus avós (Da. Durva e 'seu' Cyro, como eram conhecidos. Estudei no Salete, sob a direção do Professor Élvio, e depois no Cedom.Comprávamos pão na Comércio e de domingo, às vezes, comíamos na Polar. Enfim, muitas lembranças. Abs Enviado por lilian - tombobeach@hotmail.com
Publicado em 23/07/2012 Adorei a sua história.Lembrei da minha infancia,pois moro em Santana ,que e´o meu bairro querido.Estudei no Frontino,no colegio Salete do seu Helvio(ele esta bem velhinho, ja o vi algumas vezes no mercado Pastorinho)Um grande abraço Enviado por Vera - verasalvi@hotmail.com
Publicado em 25/06/2012 Fiquei muito emocionado ao ler os depoimentos aqui postados, alguns que reportam tempos distantes ainda antes de eu nascer, sou de 1964, e fui admitido em outubro de 1986 para trabalhar em uma unidade dos correios na rua Miguel Menten 1518 no Carandirú, trabalhava no turno da noite no "CT/02/Zona Postal - Norte (unidade extinta no final dos anos 90 dando lugar ao atual CEE VILA GUILHERME) e após o expediente joagávamos bola na quadra que fica nos fundos da unidade, o SR Cestari ... Continua... Enviado por paulo rogério thomaz motta - paulomotta147@gmail.com
Publicado em 25/06/2012 O Sr . Cestari um Italiano naturalizado no Brasil trabalhava lá e cuidava do Pé de Amora como se fosse seu e brigava conosco pois comíamos as amoras... depois do futebol esticavamos até Santana (íamos a pé) seguindo pela av. nova (Dumont Vilares) passavamos pela casa de pedra (Penitenciaria e casa de detençao) palco de inumeras rebeiões nas decadas de 80 e 90, seguiamos até a Comércio tomar chopp escuro. Continua... Enviado por paulo rogério thomaz motta - paulomotta147@gmail.com
Publicado em 25/06/2012 Continuando... Após a extinção do turno da noite em setembro de 1988 fui trabalhar em diversas unidades da zona norte até fixar-me em Abril de 1989 na agencia de correios de Santana, localizada na Voluntários da Pátria 1525, moráva na distante zona leste e levava quase 2 hs para chegar em Santana. Lembro com muita saudade dos alunos do 2º ano primário do "Colégio Salette" que "invadiam os correios" - levados pelos professores para conhecer o correios e ensinar a enviar correspondências... Enviado por paulo rogério thomaz motta - paulomotta147@gmail.com
Publicado em 25/06/2012 Fiz muitas feiras no Anhembi na década de 90 (Salão do Automóvel, Fenasoft, BrasilTranspo, UD, etc). Também tinha o "leite Quente" que trabalhava na Eletrõnica Santana e que todos os dias passava para brincar com os "colegas" dos "Correios". Fui transferido da unidade em 1995, estou trabalhando no Jaguaré, mas sinto muita saudade deste bairro de gente tão acolhedora,de vez em quando vou na Polar comer brotinho de Atum e as vezes encontro algum conhecido daquela época. Um abraço a todos! Enviado por paulo rogerio tomaz motta - paulomotta147@gmail.com
Publicado em 13/06/2012 adorei sua historia e a mesma me surpreendeu pq tenho um amido querido com o nome de alvaro augusto areal que morou nesse mesmo lugar dito por vc. Enviado por lidinei de castro - lidinei.42@uol.com.br